Crítica - Observadores

Observadores (2021) tinha tudo para ser apenas mais um filme inspirado em obras como Janela Indiscreta (1998) ou A Mulher na Janela (2021), porém, superou todas as minhas expectativas com uma narrativa que foge do lugar comum, propondo uma expectativa maior do que apenas “ai, meu deus, será mesmo que isso é certo?”.

Nesse novo longa de produção e distribuição da Amazon Prime Video, temos Pippa (Sydney Sweeney) e seu namorado Thomas (Justice Elio Smith), um casal que acaba de se mudar para um apartamento bonito e espaçoso, porém, quando confrontados com os vizinhos de janela e seu relacionamento, o casal sensual e perfeito composto por Julia (Natasha Liu Bordizo) e Sebastian (Ben Hardy), se veem interessados em suas vidas além do considerado saudável, os fazendo mergulhar num enredo intrincado, sexy e ético.


O longa tem diversos pontos positivos, como a fotografia e o jogo de câmeras extremamente intimista, onde closes são dados bem especificamente em mãos, lábios ou ações rotineiras no geral, mas que dão um tom à mais no suspense, além da paleta de cores que não deixa a desejar. Acompanhamos então a protagonista Pippa em dilemas morais que lhe afetam profundamente numa trama bem construída e costurada de maneira interessantíssima, de forma que somos encaminhados a enganos e julgamentos, bem como decisões tão questionáveis como a da personagem.


Um dos pontos negativos é a trilha sonora, um atributo importante que foi sendo apagado no filme conforme o tempo passava, tamanho o incentivo visual que temos. Outro ponto também é a pouca exploração do passado dos personagens, o que os levou a estar onde estão e fazer o que fazem, nos deixando à mercê apenas de suas ações do presente, contribuindo para a pouca identificação do expectador com os protagonistas.


O filme corre num ritmo crescente, repleto de cenas sensuais e eróticas, e fica ao critério do expectador decidir qual posicionamento estabelecer: Pippa é realmente desequilibrada e está obcecada com algo que não pode ter? Ou é simplesmente alguém interessado em excesso em algo que não pode ter? Ou, mais do que isso, e nossa protagonista é alguém além do conceito de bem e mal e apenas está fazendo o que se espera dela? Todas essas questões podem (ou não) ser respondidas durante o filme, mas lembre-se de que, quando estiver lidando com Pippa, nem tudo é exatamente o que parece ser.


Nota: 4 acarajés e um abará.


Ficha Técnica

Título Original: The Voyeurs.

Duração: 120 minutos.

Ano de lançamento: 2021.

Estreia: 10 de setembro de 2021.

Distribuidora: Amazon Prime Video.

Direção: Michael Mohan.

Roteiro: Michael Mohan.

Direção de fotografia: Elisha Christian.

Direção de elenco: Amey René Morris.

Elenco: Sydney Sweeney, Justice Smith, Ben Hardy, Natasha Liu Bordizo, Katharine King So, Marie Westbrook.

Classificação: 16 anos.

Gênero: Erótico, Suspense, Drama.

Países de Origem: Estados Unidos da América.