Crítica - Tempo



M. Night Shyamalan, caso você não conheça seu trabalho, é famoso por fazer filmes que tem grandes plot twists - sejam aqueles que explodem a cabeça, como O Sexto Sentido, ou aqueles que matam totalmente o filme, como A Vila - e suas produções tendem a ser 8 ou 80. Um filme que é meio-termo não é costumeiro dele e nunca imaginei que algo do tipo estaria em seu repertório... Até assistir Tempo.


A história é, resumidamente, sobre pessoas numa praia de diferentes tipos de idade, etnia e personalidade e que, a cada 30 minutos, as pessoas envelhecem um ano. Ótima premissa. Mas se tratando da mente por trás do filme, você é obrigado a se fazer perguntas, tais como "Por que isso acontece nessa praia?" e espera que o tão famigerado plot twist venha daí.


Mas o filme é competente em uma coisa: lhe fazer pensar que outras perguntas são mais importantes. Entretanto, as respostas e como elas são trazidas deixaram uma bela interrogação na minha cabeça. Uns dos maiores questionamentos do filme é respondido com o uso da Fórmula Marvel (que responde coisas complicadas de um jeito simples e em segundos). Além disso, a tão esperada quebra de chave não é boa, nem ruim... Ou pode ter sido boa, mas o acontecimento anterior a descoberta ser oriunda de um Deus Ex Machina (artifício fora de contexto utilizado para solucionar problemas) pode ter atrapalhado uma melhor percepção do terceiro ato do filme.


Trago questões sobre maquiagem e cabelo. Com exceção das crianças, todo mundo envelheceria bem conservado, se dependesse do diretor. Mas por muito tempo o filme lhe prende na cadeira e consegue trazer um belo clima de tensão durante boa parte do filme. Méritos a fotografia e a atuações competentes de todos os personagens principais.


Moral da história: O filme pode ser bom pra uns, mas não pra outros. Tempo é uma produção onde vemos o Shyamalan fazendo o simples e, se tratando dele, fica difícil saber se o simples foi bem feito. Enfim, vai passar meses e eu não vou saber se gostei, ou não, desse filme. Na dúvida, a nota vai na média.


Nota: 2 acarajés e um abará


Ficha Técnica:


Nome Original: Old

Gênero: Suspense

Roteiro, Direção e Produção: M. Night Shyamalan

Elenco: Alex Wolff, Thomasin McKenzie, Gael Garcia Bernal, Abbey Lee Kershaw, Rufus Sewell, Vicky Krieps, Ken Leung, Nikki Amuka-Bird, M. Night Shyamalan

Duração: 108 minutos

Classificação: 14 anos Distribuidora: Universal Studios