Elenco de The Fallout conversa sobre a temática do longa e como dialogar sobre traumas


Megan Park, roteirista e diretora de The Fallout aborda o luto com relação à um tiroteio dentro de escolas nos Estados Unidos sob diversas lentes. Há Vada (Jenna Ortega), a garota que um dia foi extremamente livre e espontânea e se perde nas emoções causadas pelo trauma, Mia (Maddie Ziegler), a garota popular que se vê lutando sozinha até encontrar apoio, Quinton (Niles Fitch), o rapaz que perdeu o irmão, mas tenta ao máximo se recuperar e até mesmo Nick (Will Ropp), aquele que vê a oportunidade para se levantar como ativista, procurando fazer a diferença.


O filme promete ser pesado, mas também lucido na experiência proposta, demonstrando com responsabilidade as consequências desse tipo de evento traumático. Segundo a própria Park, que vinha tentando criar um longa sobre o assunto há algum tempo, é algo pessoalmente difícil de lidar por este ter sido um de seus maiores medos quando ainda estudava.


Os atores do longa vem de diferentes experiências escolares, mas há um consenso geral sobre como tiroteios se tornaram frequentes e quase “normalizados’ atualmente e acreditam que esse é um assunto que precisa ser abordado com urgência.


O que resta é esperar o impacto que esse filme pode causar sobre o tema, seja como forma de conscientização ou sensibilização para o assunto.