TBT - O Resgate do Soldado Ryan


Direção: Steven Spielberg


Em Toy Story (1995), o sargento ensina a lição de que "um bom soldado não deixa um homem para trás". A premissa do filme não é necessariamente essa, mas esse instinto é o que leva John Miller (Tom Hanks), seus comandados, incluindo um Vin Diesel novinho, e todos nós a criar coragem e ir acatar a ordem do Governo de ir buscar o único filho de uma viúva, que ainda está vivo, já que os outros seus três irmãos morreram em combate na II Guerra Mundial, pra poder, assim, ir pra casa.


O longa trata muito bem de conflitos pessoais, mas isso se passa no meio de uma guerra e uma bala pode atravessar sua cabeça a qualquer momento, enquanto ocorre a busca pelo bendito James Francis Ryan, fazendo qualquer um soldado na busca se perguntar o porquê de estar cumprindo essa missão, mesmo após de sobreviver aos primeiros 20 minutos de um filme mais frenéticos da história do cinema.



Como um filme de guerra, todas as cenas de batalha são muito bem feitas e produzidas, além do roteiro ser excelente e saber tratar os dilemas de cada personagem no filme. Além de mencionar a grande direção de Steven Spielberg. Com isso tudo, só Deus sabe o que se passou na cabeça da academia ao dar o Oscar de Melhor filme a Shakespeare Apaixonado.


É um filme que vale assistir, re-assistir e ter como exemplo de como um filme de guerra deve ser.


Premiações: Oscar de Direção, Oscar de Montagem, Oscar de Fotografia, Oscar de Edição de Som, Oscar de Mixagem de Som, Globo de Ouro de Melhor Filme de Drama e tantos outros que talvez nem o google saiba contar


Nota: 5 acarajés completos, mas sem pimenta porque tenho intolerância


por: David Zuco